Organizado pela Comunidade Francesa da Bélgica, decorreu em Bruxelas, nos passados dias 19, 20 e 21 de abril, o encontro de primavera da ENTEP (Rede Europeia sobre Políticas de Formação de Professores), no qual se inscreveu a sua habitual conferência internacional, desta feita subordinada ao tema “Developments in Teacher Education – Case Studies” e que decorreu durante a manhã do dia 20.

A primeira parte da conferência foi da responsabilidade do país anfitrião e teve como tema “Reformas na Educação na Comunidade Francesa da Bélgica”, tendo contado com a presença de Pascale Genot, Consultora do Ministério do Ensino Superior, Investigação e Comunicação, Claire Kagan, Consultora do Ministério da Educação e Stéphanie Seret, Sub-Diretora do Instituto de Formação Jonfosse, de Liège.

Na segunda parte, a conferência contou com os seguintes oradores: Thomas Pritzkow da U2 – Escolas e Multilinguismo da Direção-Geral de Educação, Desporto e Cultura da Comissão Europeia que falou sobre “Current Developments in Teacher Education in EC”; Peter Birch, da Rede Eurydice, cuja comunicação se focou no “Eurydice Report on Teaching Careers in Europe”; Klára Bezděková, do Ministério da Educação, Juventude e Desporto da República Checa, que partilhou os “Current Developments in Teacher Education in Czech Republic” e, por fim, Malgorzata Sekulowicz, da Faculdade de Ensino de Educação Física, da Universidade de Wroclaw, Polónia, cuja apresentação foi sobre “Current Developments in Teacher Education in Poland”.

Os oradores deram particular enfoque às reformas no âmbito da formação inicial de professores em curso nos seus países e à forma como estas têm procurado responder aos desafios decorrentes da aplicação da Declaração de Bolonha.
Portugal, que está representado na ENTEP através do Diretor-Geral da Administração Escolar, fez-se representar no encontro em apreço pela Dr.ª Lília Vicente.

 

Equipa de Projetos Internacionais e de Formação da DSGRHF