A Escola Portuguesa de São Tomé e Príncipe – Centro de Ensino e da Língua Portuguesa – (EPSTP) iniciou a sua atividade no ano letivo 2016-2017.

A DGAE/DSEEPE, no âmbito do acompanhamento das Escolas Portuguesas do Estrangeiro (EPE), consciente de que o desenvolvimento das habilidades digitais é um requisito essencial, sendo uma competência transversal a todas as áreas do saber, apetrechou esta escola com uma Sala TIC.

Este procedimento foi possibilitado pelo cumprimento do plano de renovação do parque informático da DGAE e constituiu uma iniciativa que evidencia os valores desta organização.

De facto, estando o equipamento substituído em perfeitas condições de utilização, deu-se prioridade à escola onde se verificava maior carência neste domínio.

Saliente-se que, quer para a DGAE/DSEEPE quer para a EPSTP, foi muito gratificante a criação de um espaço TIC, já que propicia aos alunos o acesso a fontes de conhecimento indispensáveis para o desenvolvimento da análise crítica.

Paula Marinho Teixeira
Diretora de Serviços da DSEEPE